terça-feira, 3 de abril de 2012

Por mais segurança na escola


Com cara pintada e cartaz nas mãos, cerca de 250 estudantes da escola Centro Paula Souza realizaram um protesto pelas ruas da terra de Lobato, na manhã desta terça-feira, dia 3, para pedir mais segurança nas imediações da escola. São frequentes os assaltos no local. Só a estudante Priscila Aveliso, 17 anos, foi assaltada três vezes em uma semana. Na última sexta-feira, dia 30, outra garota foi assaltada e agredida pelos bandidos. O protesto seguiu para a porta do Palácio Bom Conselho. As fotos mostram os estudantes na Prefeitura de Taubaté. Todos os detalhes na edição 542 do CONTATO. Fotos Marcos Limão
 

5 comentários:

Anônimo disse...

Sou aluna do Centro Paula Souza e já pensei em desistir do curso por falta de segurança, também fui assaltada e não satisfeitos som o que me levaram ainda me bateram ... O medo toma conta de todos no trajeto até a escola .

Anônimo disse...

Caros alunos,voces sabem do que as autoridades tem medo?
É DO VOTO NULO! É SÓ AMEAÇAR DE VOCES E SEUS PAIS E PARENTES ANULAREM O VOTO NAS PRÓXIMAS ELEIÇÕES QUE VEREADORES E CANDIDATOS E OUTROS MAIS TOMARÃO PROVIDENCIAS RÁPIDINHO.
TEM QUE TER AÇÃO E MENOS BLÁ BLÁ BLÁ.
TENHAM ESSA CORAGEM,SEJA LÁ QUEM FOR O CANDIDATO.

Lucas A. Medeiros disse...

Realmente, a segurança na porta das escolas principalmente públicas está muito precária, mas não é só culpa do Prefeito, e alías não é culpa dele, quem faz a ronda e detemina patrulhamento é a PM, mas sim, um protesto é um jeito de chamar a atenção do prefeito para solicitar junto ao comando do 5ºBatalhão por mais rondas nos arredores do colégio.

Anônimo disse...

É o retrato do país. Onde estão os pós regime militar? Falaram tanto, mas fazem igual ou pior, em nome de uma democracia relativizada.

Anônimo disse...

Voto nulo? Eu duvido !! O brasileiro é um sem vergonha que não tem essa coragem e o pior não raciocina.