terça-feira, 2 de agosto de 2011

Apagão na Educação?

CONTATO acaba de receber ligação telefônica de uma diretora de escola municipal, que pediu para não se identificar por medo de represália, dando conta de uma ordem que teria sido dada pela Secretaria de Educação: pelo menos duas professoras de cada escola municipal deverão ser dispensadas do serviço para comparecerem à inauguração do SEDES, prevista para a manhã de quarta-feira. A ordem também exige o comparecimento da diretora e da vice-diretora de todas as escolas municipais. 

6 comentários:

Anônimo disse...

Só quem tá dentro da educação do municipio de Taubaté sabe das maracutaias dentro da secretária da educação para atender as exigências do prefeito e principalmente de sua mulher ridícula, que pensa que é dona da educação de Taubaté.

Anônimo disse...

cuspindo no prato que come dona diretorinha incompetente porque so o fosse não teria o que temer,voce é dispensável !!!

Anônimo disse...

Que pena!!! O jornalão de SJC afunilou os comentários do leitores.Será que os corruptos acharam o preço?

Anônimo disse...

É TUDO VERDADE!!!!

Anônimo disse...

FESTA PARA O POVO,
DINHEIRO DO POVO,
EMPREGO PRO POVO.
NESSA TERRA OS MORTOS VIRRAM
SE REVIRAM...
ENQUANTO ALGUNS COMEM A CARNE
O POVO...
O POVO SE SATISFAZ COM O OSSO.

Anônimo disse...

Então... que pena que o segundo comentário diz que a tal diretora está guspindo no prato que come. O incrível é que esta pessoa generaliza e ESQUECE que toda escola precisa de todos os componentes, o que é também exigido por LEI: escriturários, secretários, inspetores, merendeiras, serventes, professores e DIRETORES. Alguem precisa assumir este cargo, não é mesmo! E qdo generalizam dizendo que os diretores não prestam e são dispensáveis, esquece que a grande maioria, grande mesmo, é servidor concursado e que assume a direção no momento e que cumprem com zelo seu trabalho, principalmente apagar fogos e incêndios cometidos por muitos professores. Que pena termos pessoas tão agressivas! Quanto essa diretora ( se é que foi uma diretora... por que não seria professor ou professora se passando por?) denunciou é porque é contra o que foi pedido, mas isso não quer dize que não seja uma ou um excelente profissional. Agora, se essa pessoa tão agressiva com as palavras tem competência, por que não tenta estar à frente de uma direção?! Lamentável!
PS: Se olhe primeiro, veja se tem competência antes de criticar outras pessoas.
Renata S.