quarta-feira, 6 de julho de 2011

Recesso suspenso




Imagens da sessão extraordinária convocada para a tarde de hoje, dia 6, com o intuito de votar o projeto de lei da LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) para 2012. Não houve consenso e os vereadores decidiram não votar o projeto durante a sessão extraordinária convocada exclusivamente para esse fim. Assim, fica suspenso o recesso parlamentar, uma vez que a legislação só permite o início do recesso após a aprovação do projeto da LDO. 

O projeto chegou ao Plenário sem o parecer da Comissão de Finanças. Além disso, vereadores e munícipes ainda têm muitas dúvidas porque o projeto não traz um detalhamento das previsões de gastos para 2012. É muito genérico. Um dos pontos questionados refere-se à verba para a área de comunicação da Prefeitura de Taubaté. A LDO prevê a destinação de R$ 3,6 milhões para a pasta em 2012. Os vereadores chegaram a apresentar duas emendas que retiravam parte do dinheiro da comunicação. A primeira destinava R$ 200 mil para o Corpo de Bombeiros e a segunda, R$ 600 mil para a conservação de patrimônios históricos. Ficou então decidido, segundo a vontade da maioria dos vereadores, que o projeto da LDO será votado na primeira sessão ordinária de agosto.

4 comentários:

Anônimo disse...

Entra aqui, sai dali, acrescenta acolá, débitos créditos e arredondados, políticos vão cantando a marselhesa da impunidade, excluindo as suplementações, créditos adicionais, restos a pagar, promessas , orações e outras aberrações.

Anônimo disse...

Para que gastar com publicidade?
Nossa cidade,somente nesse semestre,já conseguiu grande notoriedade.O sr.Peixoto conseguiu de graça , sem custos aos cofres públicos,grande visibilidade.
Taubaté foi vista em rede nacional, no horário mais caro da publicidade latino americana(É Fantástico).
Além disso o que podemos mostrar:
*Escolas sucateadas,com goteiras,sem banheiros,sem vestiários para práticas desportivas e etc.;
*Postos de saúde sucateados,onde amigos do prefeito marcam horário de manicure pelo telefone da prefeitura(presenciei fato no PAMO São joão )e nos ligam a cobrar para o agendamento de consultas;
*Asilos e entidades que não recebem recursos suficientes para garantir atendimento aos idosos e portadores de necessidades especiais(quando recebem é atrasado,e alguns dos repasses estaduais que chegam via administração municipal atrasam meses);
*Ruas esburacadas e recapeamentos mal feitos,crateras e buracos que destroem nossos veículos, enquanto o irmão do vereador tem o páteo de seu imóvel reformado de graça;
*Ambulâncias quebradas,remendadas;
*Uma cidade sem aterro sanitário, e que é obrigada a EXPORTAR SEUS RESÍDUOS,coleta de lixo hoje feita com carros alugados;
*Uma cidade onde vereadores não fazem dancinhas mas,comemoram cada vitória do prefeito com grandes festejos,só faltaram os fogos no feriado.
Taubaté merecia mais do que isso.As pragas que Lobato descreveu em seus livros não poderia nos pegar.
Taubaté é a terra dos cavadores,das sanguessugas do poder,dos parasitas que roubam da administração e deixam a população à míngua.
Pior é que a população taubateana pode perdoar uns ladrões de casacas ,mas nunca é capaz de perdoar um ladrão de galinhas.
Como dizem meus amigos: "Os humilhados continuarão humilhados" e os ratos continuarão a roer ...

Anônimo disse...

Até vocês do contato estão de recesso.
Parou com as noticias na internete

Luiz Carlos disse...

Anonimo do dia 7 de julho às 14:20h que pena que você não tenha coragem de subscrever todas as verdades que você enunciou.
Faço-o por você. Subscrevo com meu nome e sobrenome todas as suas mais do que pertinentes denúncias.