terça-feira, 10 de maio de 2011

Mais Alexandre Carolino!

A Prefeitura de Taubaté fechou mais um contrato com a empresa Alexandre Carolino Gonçalves ME - responsável pelo fornecimento dos ovos de ouro ao Palácio Bom Conselho. Esta empresa está impedida pelo Tribunal de Contas do Estado de firmar contratos com a Prefeitura de Pinda. Neste novo contrato assinado com o Palácio Bom Conselho, no dia 3 de maio de 2011, prevê o fornecimento de carnes e derivados por um ano ao custo de R$ 40.184,00. Veja abaixo neste blog a entrevista com Paulo Mataveli, ex-sargento do Exército e verdadeiro proprietário da empresa.

3 comentários:

Giovanni disse...

eu li a entrevista.

Não quero defender ninguém, até porque eu não tenho nada a ver com isso...

Acho que realmente a(o) jornalista que fez a entrevista por telefone, esta mal informado. O fato de a empresa constar uma serie de atividades em sua constituição, é uma medida comum para que possa dar flexibilidade as atividades da empresa no futuro.
Realmente é necessario ter Corsesp para ser representante e registro na ANP para comercializar produtos derivados de petróleo. Entretanto se o empresário não exercer a atividade efetivamente, não há porque fazer os registros nos órgãos regulamentares.

Na minha opinião o profissional que fez a entrevista realmente não estava em busca da verdade. Estava em busca de informações que devidamente editadas possam gerar polêmica e criar uma versão sensacionalista da historia.

O Empresário pode até estar envolvido com "maracutaias" dentro da prefeitura, mas o caminho escolhido para acha-las foi equivocado.
Creio que as melhores provas desse tipo de falcatrua que o jornal tenta mostrar devem ser baseadas em provas documentais, como planilhas de preços, exigências das licitações, materiais fornecidos de forma irregular (compras de urgencia), relação de preços pagos em comparação com o mercado...

É inutil querer investigar a vida pessoal e profissional pregressa das pessoas envolvidas.

Atenhamo-nos aos acontecimentos que realmente importa: o prefeito está ou não levando dinheiro de empresas ?

Anônimo disse...

eu sei como funciona esse tipo de empresa pois também tenho uma que atua no mesmo ramo, a penalização da empresa alexandre carolino diz que ela não pode vender em Pindamonhangaba somente lá, não diz que ele esta impedida de vender para outras prefeituras.
acho que o jornalista que esta escrevendo essas materias esta mal informado. não é desse jeito que se resolve nada.

Anônimo disse...

esses jornalistas não tem jeito mesmo né só querem vender jornal, o que tem ha ver o fato de onde o senhor paulo trabalhou ou deixou de trabalhar, essa intrevista não estava em busca da verdade e sim querendo gerar polêmica.