terça-feira, 31 de maio de 2011

Dança das cadeiras. E que mudança!

Em meio à grave crise política, vivida por conta de infindáveis denúncias contra a administração municipal, o prefeito Roberto Peixoto (PMDB) promoveu a dança das cadeiras no Palácio Bom Conselho. E que mudança! O alcaide conseguiu promover um dos assessores  investigados pelo Ministério Público. A mudança, publicada no edital do dia 31 de maio, deixou muita gente com a pulga atrás da orelha. Confira:

SEBASTIÃO MELIN ABURJELI, engenheiro. Assumiu em Janeiro de 2011 o cargo de Secretário de Obras, Trânsito e Transportes. Foi exonerado a pedido. O motivo da sua saída foi a operação de busca e apreensão que promotores fizeram na sua casa e na secretaria, no dia 25 de maio, com o objetivo de apurar desvios de dinheiro público por meio de combustível e venda de peças de automóveis da frota oficial. 

ROBERTO CIMINO CARPEGIANI, engenheiro. Também teve a residência invadida pelo operação de busca e apreensão do Ministério Público realizada no dia 25. Ele ocupava o cargo de Diretor do Departamento de Transportes e foi promovido para o cargo de Diretor do Departamento de Desenvolvimento Econômico, no lugar de ANTÔNIO ROBERTO PAOLICCHI, que deixou a Prefeitura de Taubaté no dia 23. 

LUIZ SIMÕES BERTHOUD, delegado de polícia. Ele já integrou o primeiro e o segundo escalões na Secretaria de Segurança Pública Municipal. Agora foi nomeado para o cargo de Diretor do Departamento de Materiais, Patrimônio e Compras. A pergunta que não quer calar: o que um delegado faz no setor de compras da Prefeitura de Taubaté? 

ELOI FRANCISCO BARBOSA, investigador de polícia. Ocupava o cargo de Diretor do Departamento de Materiais, Patrimônio e Compras. Foi exonerado e nomeado para o cargo de Diretor do Departamento de Segurança Pública Municipal.   

2 comentários:

Bia Macedo disse...

Foi praticamente um troca-troca!

Anônimo disse...

Um dia após a dança das cadeiras, a coisa já mudou de novo: Elói dos ovos de ouro pediu demissão.


Vai entrar no ramo de criação de frangos pois galinhas dão muito problema e exposição na mídia...