quarta-feira, 23 de março de 2011

Greve na coleta do lixo


Diretor do sindicato orienta os trabalhadores

Catadores de lixo na porta do Departamento de Serviços Urbanos. Eles não puderam sair para o trabalho por conta da greve dos motoristas

Motoristas dos caminhões de uma empresa contratada pela Prefeitura de Taubaté para coletar lixo na cidade fizeram na madrugada de hoje, 23 de março, uma paralisação do serviço. São oitos motoristas, responsáveis por cerca de 50% da coleta de lixo da cidade. Os outros 50% são coletados por servidores municipais. O grupo reivindica o pagamento do piso salarial da categoria. Segundo o diretor do sindicato dos condutores, Mário Rodrigues, quem recebe hoje R$ 936 deveria receber R$ 972. E quem recebe R$ 972, deveria receber R$ 1.009, conforme.

Os motoristas aguardam negociação entre o sindicato e a empresa, que estão reunidos neste momento. Com a paralisação dos motoristas, os coletores que acompanham os caminhões não puderam trabalhar e aguardam a solução do impasse. Fotos de Pablo Schettini

Nenhum comentário: