sábado, 13 de fevereiro de 2010

Reflexos de um desgoverno

O tom político tomou conta da final do festival de marchinhas em Quiririm, distrito de Taubaté. Pra começar: duas moças extremamente fantasiadas se apresentavam ao público como sendo Luciana e Roberta. Entendeu?
Mas o pior ainda estava por vir. Quando o prefeito Roberto "Entendeu?" Peixoto (PMDB) subiu ao palco para a entrega da premiação para as marchinhas campeãs, recebeu uma vaia homérica do público. Acabado o discurso peixotista, o presidente da Câmara Municipal, Henrique Nunes (PV), tentou defender o prefeito e recebeu uma vaia maior ainda. São apenas os primeiros reflexos do desgoverno municipal... Aguardaremos os próximos lances.

5 comentários:

Anônimo disse...

Lu e a filha Roberta Peixoto originais são mais ilarias, caricatas e ridiculas que suas representações carnavalescas!

Anônimo disse...

Não poderia ser diferente,um prefeito que não resolve uma questão básica que é o lixo da cidade não poderiamos esperar outro tipo de manisfestação da população.Em 5 anos nada acrescido em nossa cidade, só o descaso e a falta de respeito com os taubateanos.

Isto SIM é Taubaté disse...

Eu queria muito estar presente!!! Será que alguém tem isso filmado?

Anônimo disse...

temos que começar chogar tomate em alguns politicos de taubate para que eles tome vergonha na cara e olha para populaçao que esta esquecida por eles ,eles ficando cada vez mais rico e nos ficando ........vamos a luta o povo tem o poder .conlutas esta fazendo abaixa assinado para o sai peixoto

Anônimo disse...

marchinha pro Peixoto: marcha prefeito, cabeça de papel, se não marchar direito, vai preso pro quartel.Será que vai?