segunda-feira, 27 de julho de 2009

Verbas para Saúde

A população agradece a assinatura de convênios para liberar dinheiro para a sensível área da Saúde, através de emendas parlamentares, para a região do Vale do Paraíba e Litoral Norte, em evento realizado na manhã desta segunda-feira, 27.
Segundo o informativo distribuído pela assessoria de imprensa do deputado estadual Padre Afonso Lobato (PV), as emendas do deputado verde e da Frente Parlamentar em Defesa do Vale do Paraíba, Litoral Norte e Serra da Mantiqueira beneficiarão 12 cidades com um total de R$ 3.570.000,00.
O Hospital Universitário da Unitau, por exemplo, vai receber R$ 750 mil. O atendimento de média complexidade, realizado pelo HU, é um dos principais gargalos, responsáveis pelas mortes dos irmãos taubateanos – motivo pelo qual o vereador Henrique Nunes (PV) fez uso da palavra durante a assinatura. A solenidade contou a presença de deputados estaduais, prefeitos, vereadores, jornalistas e munícipes.

Confira as fotos de Guilherme Freitas.

Sandra Tutiashi, diretora da DRS, fala ao público

Dr. Isnard Albuquerque, presidente da FUST, e o deputado estadual Padre Afonso Lobato (PV)

Vereador de Taubaté Henrique Nunes (PV)

Prefeita de Cruzeiro Ana Karin Dias (PR)

Posted by Picasa

3 comentários:

Anônimo disse...

Dr. Isnarrrrrd está assaz sorridente. Tomara a "alta administração" não desvie essa verba. Alguém precisa deixar a hipocrisia de lado e empreender ações positivas no sentido de convencer a Sra. Reitora e seus lambe-botas (ambos os dois ou seja: o primeiro lambe-botas e o lambe-botas oficial)e que o Orçamento da UNITAU é público, i.é., equilibrado por definição.

Anônimo disse...

NÃO RESOLVE!

QUERO SABER SE AGORA OS FUNCIONÁRIOS DO HU VÃO TER UM CENTAVO DE AUMENTO. O GOVERNO DO ESTADO JOGA MIGALHAS PARA TAUBATÉ E O DEPUTADO ACHA QUE É MUITO E FICA FAZENDO CAMPANHA COM AS MIGALHAS DO SERRA.

EDUCAÇÃO E SAÚDE TÊM QUE SER PRIORIDADE E NÃO PLATAFORMA POLÍTICA PARA PICARETAS.

Anônimo disse...

Educação e saude são prioridade dependendo do lado em q/ se está.
Existe o lado do politico e o lado do povo votante.
Se o povo começar a se instruir muito, c/o que ele vai ser enganado tão facilmente?.