sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

Merenda Escolar

Abaixo a lista de documentos anexos à representação entregue ao Ministério Público Estadual em 11 dejunho de 2008.

a)Planilha com o resumo do levantamento parcial do fornecimento de merenda escolar pela SISTAL em duas escolas: Creche Nair Mouassab e EMEIEF Professor Guido José Gomes Miné.

b)Planilhas de controle de fornecimento de merenda escolar na Creche Nair Mouassab e relacionadas na planilha resumo.

cPlanilhas de controle de fornecimento de merenda escolar na EMEIES Professor Guido José Gomes Miné e relacionadas na planilha resumo.

d)Planilhas sem alterações visíveis mas com nomes de responsáveis que poderão esclarecer dúvidas.

e)Cópia do Edital de Pregão Presencial nº 63/06 para a contratação de empresa especializada em fornecimento de serviços de alimentação.

f)Cópia de correspondência enviada pela SISTAL à Prefeitura contendo nome e CRN dos nutricionistas responsáveis técnicos pelo serviço de alimentação contratados e assinada por Cristiane Vetturi, vice-presidente da empresa.

g)Cópia de procuração fornecida pela EB – Alimentação Escolar Ltda ao sr. Gilson Carlos Santos Jr, assinada por Cristiane Vetturi como vice-presidente da empresa EB

h)Cópia da Ata de Sessão Publica Única(4 páginas) sobre o Pregão nº 00063/2006, Processo 28854/2006

i)Pequena amostra de notícias (9 páginas) divulgadas por diferentes veículos de comunicação a respeito da SISTAL e EB e de problemas comuns que são observados no serviço de fornecimento de merendas escolar.

8 comentários:

dula disse...

merenda escolar super faturada e super ruim as crianças são quase forçadas a comer essa comida de péssima qualidade enquanto outros.... engordam !!!!

assis rezende disse...

Nobre colega , você é ladrão!
Não ,ladrão é você nobre colega.
É não faz muito tempo em que nós brasileiros deparavamos com esse discurso lá na tribuna da camara federal, de um lado ,nobre colega Roberto Geferson x Zé Dirceu.
Nobre o que é ?
Ser de descencia,notavel,celebre, ilustre, adj. que não cabe no ceio politico.
Já faz muito tempo em que ser ladrão era dificil,tinha que andar na calada da noite,na surdina se escondendo.
Hoje temos ladrão pra todo lado até aqui em Taubaté,até na merenda escolar até até até nobre está robando.
Rui Barbosa já falava em inverções de valore e já estamos vivendo isso, pois ser notavel,decente,ilustre está cada vez mais dificel.

Anônimo disse...

A merenda é ruim sim senhor e isso é fato.
Quanto ao super faturamento, é claro que ninguem é ladrão afinal de contas essa gente está apenas pegando o que o povo, atraves do voto, deixou eles pegarem.
Voto + impunidade = politico eleito

Anônimo disse...

Prezados senhores, Taubaté está às moscas, literalmente.
Algo fede, e muito neste governo. Infelizmente, em troca de cestas básicas, blocos, cimento, entre outras coisas, a maior parte da população elegeu um dos mais corruptos e inificientes administradores que esta cidade já teve. É lamentável. Eu não votei nesse governo, mas não posso ignorar e desdenhar pela má sorte do povo taubateano, no qual me incluo, tampouco desejar que esta cidade afunde. Não sou de Taubaté, mas nela resido há 20 anos. Aprendi a gostar e respeitar essa cidade e acho que todos somos responsáveis por ela e por uma vida melhor a todos daqui. No mínimo não devemos ser omissos. Devemos ser responsáveis no sentido de não fingir que não vemos. Ora, em todo o mundo sempre haverá um aproveitador da simplicidade e falta de conhecimento das pessoas. E aqui não será diferente. Por isso, clamo que todos aqueles que têm interesse em ajudar esta cidade, da forma como for, postando um simples comentário sobre uma matéria jornalística, que o faça. O silêncio perante o conhecimento é a pior coisa. Não devemos esquecer da força popular! Nunca!

AFLUENTE disse...

Sou jornalista da cidade de Marabá, no Pará, onde a empresa EB Alimentação Ltda. acaba de ganhar uma licitação de R$ 73 milhões para fornecer merenda escolar para a rede municipal durante quatro anos. Gostaria de saber se ficou constatada alguma irregularidade relacionada a esta empresa em sua cidade, como ela administra esse serviço....É possível? Meu fechamento é às 18 horas desta quarta-feira, dia 22.
Grato, Ulisses Pompeu, jornal CORREIO DO TOCANTINS, em Marabá-PA

Ulisses Pompeu disse...

Olá, sou Ulisses Pompeu, jornalista de Marabá, no Pará, onde a empresa EB Alimentação Escolar acaba de vencer uma licitação no valor de R$ 73,7 milhões para fornecer alimentação para as escolas da rede municipal. Gostaria de saber como essa empresa presta esse serviço aí na cidade de vcs, se há denúncias contra ela no Ministério Público e se ficou constatado algum tipo de irregularidade ou mal serviço.

Ulisses Pompeu
pompeu10@gmail.com

Anônimo disse...

os caras ganham qd cobram da prefeitura a repeticao da merenda por parte das crianças. Mesmo que elas nao repitam o prato, a prefeitura paga muito por isso. Faz fortuna esse esquema!

Anônimo disse...

Caro Ulisses, nao tenha duvidas.. tudo envolvimento com propina ... Mais uma cidade pagando as contas dos nobres safados ....